EOLIX ENERGY
ENERGIA EÓLICA
A EOLIX ENERGY
Máquina Eólica NANOECOL
PROJETOS
Contato
ILUSTRAÇÃO
PROJETOS
               

3.2.

OPERAÇÃO / FUNCIONAMENTO  -  Produção Comercial

Inicialmente, 9 (nove) são os projetos a serem executados no prazo estimado de 9 (nove) anos a contar da data do primeiro aporte financeiro consoante com o orçamento de custo e cronograma de cada um dos projetos.


 

3.2.1.

PRIMEIRA FASE                                                                  Duração: 60 meses

 

 

3.2.1.1.

Estado de Santa Catarina (19 plantas7500 MW/h


 

 

QUINZE Torres Eólicas nos Municípios da Serra Catarinense, em áreas de 25 a 35 Há, já alocadas, nas imediações da principal rede de transmissão daquela região, para produção comercial, com potência instalada de 200 MW/h, cada uma, com 85m de diâmetro e 140m de altura, equipada com 10 geradores de com potência individual de 20 MW/h, potência total de 3000 MW/h;


DOZE Torres Eólicas nos Municípios da Serra Catarinense, em áreas de 25 a 35 Ha, já alocadas, nas imediações da principal rede de transmissão daquela região, para produção comercial, com potência instalada de 150 MW/h, cada uma, com 75m de diâmetro e 98m de altura, equipada com 10 geradores de com potência individual de 15 MW/h, potência total de 1800 MW/h;


NOVE Torres Eólicas nos Municípios de Imbituba, Laguna e Imaruí, em áreas de 25 a 35 Há, já alocadas, nas imediações da principal rede de transmissão daquela região e próximo às três maiores subestações do Estado, para produção comercial, com potência instalada de 200 MW/h, cada uma, com 85m de diâmetro e 140m de altura, equipada com 10 geradores de com potência individual de 20 MW/h, potência total de 1800 MW/h;


SEIS Torres Eólicas nos Municípios de Imbituba, Laguna e Imaruí, em áreas de 25 a 35 Ha, já alocadas, nas imediações da principal rede de transmissão daquela região, para produção comercial, com potência instalada de 150 MW/h, cada uma, com 75m de diâmetro e 98m de altura, equipada com 10 geradores de com potência individual de 15 MW/h,potência total de 900 MW/h;

·         Via Parceria VENTO SUL ENERGIA e Associados

 

 

3.2.2.

SEGUNDA FASE                                                                 Duração: 60 meses

 

 

3.2.2.1.

Rio Grande/RS (32º 64’86.26”S, 52º 47’07.03”W) - 450 MW/h -  (36 meses)


 

 

TRÊS Torres Eólicas no Município de Rio Grande/RS, em área de 100 Ha a ser adquirida nas imediações daquela cidade, para produção comercial, com potência instalada de 150 MW/h, cada uma, com 75m de diâmetro e 98m de altura, equipada com 10 geradores de com potência individual de 15 MWh, potência total de 450 MW/h, visando atender a demanda energética do Porto da cidade de Rio Grande/RS que até 2015 estará com instalações portuárias 4 vezes maior ao que hoje se apresenta;


  • Via Parceria ITAPEMA TRADING S.A.

 

 

3.2.2.2.

Camaratuba/PB (6º 58’17.37”S, 34º 98’80.22”W) - 600 MW/h  -  (48 meses)


 

 

QUATRO Torres Eólicas no Município de Barra de Camaratuba/PB, em área de 20 Ha a ser adquirida nas imediações daquela cidade, para produção comercial, com potência instalada de 150 MW/h, cada uma, com 75m de diâmetro e 98m de altura, equipada com 10 geradores de com potência individual de 15 MW/h, potência total de 600 MW/h, visando atender a crescente demanda energética pela instalação de grandes polos industriais na região de Campina Grande/PB.

 

 

3.2.2.3.

Vitória/ES (20º 40’43.29”S, 40º 34’62.60”W) - 150 MW/h     -    (18 meses)


 

 

UMA Torre Eólica no Município de Vitória/ES, em área de 20 Ha a ser adquirida nas imediações daquela cidade, para produção comercial, com potência instalada de 150 MW/h, com 75m de diâmetro e 98m de altura, equipada com 10 geradores de com potência individual de 15 MW/h.

 

 

3.2.2.4.

Salinópolis/PA (0º 61’17.49”S, 47º 35’41.64”W)  - 1000 MW/h - (60 meses)


 

 

CINCO Torres Eólicas no Município de Salinópolis/PA, em área de 200 Ha a ser adquirida no litoral, nas imediações daquela cidade, para produção comercial, com potência instalada de 200 MW/h, cada uma, com 85m de diâmetro e 140m de altura, equipada com 10 geradores de com potência individual de 20 MW/h, potência total de 1000 MW/h, visando atender a demanda energética da própria cidade balneário de Salinópolis/PA e da cidade portuária de Belém/PA, principalmente a demanda energética que se agigantou pela ampliação acelerada do Distrito Industrial de Icoaraci, localizado a 20 km ao norte desta Capital do promissor Estado do Pará.

 

 

3.2.3.

TERCEIRA FASE                                                                 Duração: 36 meses

 

 

3.2.3.1.

Toledo/PR (24º 36'58.53''S, 53º 56'29.10''W)   -   50 MWh   -   (18 meses)


 

 

UMA Torre Eólica no Município de Toledo/PR, em área de 50 Ha a ser adquirida nas imediações daquela cidade, para produção comercial, com potência instalada de 50 MWh, com 75m de diâmetro e 98m de altura, equipada com 05 geradores de com potência individual de 10 MWh.

 

 

3.2.3.2.

Mostardas/RS (30° 49'47.02"S, 50° 38'51.57"W)  - 150 MW/h  - (14 meses)


 

 

UMA Torre Eólica no Município de Mostardas/RS, em área de 50 Ha a ser adquirida nas imediações daquela cidade, para produção comercial, com potência instalada de 150 MW/h, com 75m de diâmetro e 98m de altura, equipada com 10 geradores de com potência individual de 15 MW/h.


·         Via Parceria ITAPEMA TRADING S.A.

 

 

3.2.3.3.

São José do Norte/RS (31º 85’86.05”S, 52º 07’34.79”W)  -  300 MW/h  -   (20 meses)


 

 

DUAS Torres Eólicas no Município de São José do Norte/RS, em área de 100 Ha a ser adquirida nas imediações daquela cidade, para produção comercial, com potência instalada de 150 MW/h, cada uma, com 75m de diâmetro e 98m de altura, equipada com 10 geradores de com potência individual de 15 MW/h, potência total de 300 MW/h, visando atender a demanda energética do Porto da cidade de Rio Grande/RS.


·         Via Parceria ITAPEMA TRADING S.A.  

 

 

3.2.3.4.

Patos/PB (7° 1'2.70"S, 37° 14'47.66"'W)   -   150 MWh   -   (18 meses)

 

 

UMA Torre Eólica no Município de Patos/PB), em área de 50 Ha a ser adquirida nas imediações daquela cidade, para produção comercial, com potência instalada de 150 MWh, com 75m de diâmetro e 98m de altura, equipada com 10 geradores de com potência individual de 15 MW/h, visando atender a crescente demanda energética pela instalação de grandes pólos industriais na região de Campina Grande/PB..

 

 

4.

FINANCEIRO

Descrição econômica da tecnologia

Para Fazendas eólicas de alto fator potência (50 MWh) o custo estimado de implantação da Máquina Eólica NANOECOL é de ~R$ 3,9 milhões por MW/h, muito atrativo quando comparado aos ~R$ 5,5 milhões por MW/h para implantar um equipamento de outros fabricantes (rotores de eixo horizontal), por exemplo.

A Máquina Eólica NANOECOL apresenta um aproveitamento médio de 85% da potencia instalada, enquanto o equipamento da concorrência consegue sacar apenas 30% da potência instalada em um parque eólico (média anual dos 3 parques eólicos de Osório/RS sob administração da empresa Ventos do Sul Energia.Potência instalada = 150 MW/h – Potência extraída = 48,6 MW/h).   

A Máquina Eólica NANOECOL apresenta uma taxa de conversibilidade da energia cinética do vento próxima a 85% em energia mecânica enquanto é verificado que os equipamentos das concorrentes conseguem converter  algo próximo a 26%.

Planilha econômica de instalação e retorno

·        Considerando todo o exposto acima, o custo de uma Máquina Eólica NANOECOL com potência de 50 MW/h é de ~R$ 195 milhões.

·        Considerando todo o exposto acima referente à produtividade, o prazo de retorno do capital investido é estimado em 48 meses(~R$168,00 / MWh).

 

4.1.   INVESTIMENTOS

Para todos os projetos acima arrolados, que totalizarão a potência instalada de 10.350 MW/h, a EOLIX ENERGY estima que deverá investir aproximadamente R$ 40,365 Bilhões em um período de 5 a 7 anos.

 

 VALOR TOTAL DO PROJETO . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .  R$ 40.365.000.000,00

               



A ENERGIA DO FUTURO
A EOLIX ENERGYMáquina Eólica NANOECOLPROJETOSContatoILUSTRAÇÃO